Dúvidas frequentes

Terapia e processo terapêutico

Como é o processo terapêutico?


A terapia é dividida em duas partes:

1- Eliminação da vitalidade do agente utilizando duas peças metálicas: o U e o Acelerador. A pessoa sentada coloca o U sobre o ombro esquerdo e o Acelerador na mão esquerda, normalmente apoiada sobre a perna.

2- Interrupção da exposição à vibração nociva vindo da água contaminada com fezes. Para isso a pessoa deve utilizar o Isolante em todos os locais de rotina. Ele deve ser usado por toda a vida.




O que é o U e o Acelerador? Como funcionam?


O U é uma peça metálica cilíndrica em formato de ferradura e o Acelerador é uma peça metálica no formato de medalhão e que são usados no processo terapêutico.

Eles em conjunto captam uma energia natural que existe no ambiente e que o Sr. Estevam Kovacsik chamou de Energia Cósmica. Essa energia entra no organismo e tira a vitalidade do agente e ajuda o organismo a se recuperar.




Qual a duração da terapia?


A terapia tem a duração total de 1 ano. Nesse período são realizados 14 sessões com o U e o Acelerador com duração de 20 minutos cada. Elas são feitas por 3 vezes espaçado uma semana entre cada, e após isso, uma sessão por mês até completar um ano.




A AEMK faz diagnóstico?


Não. Nós apenas oferecemos uma terapia natural para pessoas que já tenham o diagnóstico médico de câncer.




Preciso saber onde adoeci para fazer a terapia? É preciso alguém vir na minha casa para avaliar o local?


Não, não é necessário saber onde adoeceu e nem que alguém vá a sua casa fazer uma avaliação. Basta usar corretamente o Isolante para não mais se expor ao campo de vibração nocivo.




Qual é a maneira mais simples para entender o que a terapia Kovacsik faz?


A maneira simples para entender o procedimento é comparar a terapia Kovacsik com uma arvore frutífera. Tal árvore por sua natureza cresce desenvolvendo seus galhos, folhas e dando frutos. Se alguém ir e arrancar todos os frutos dessa árvore, pela própria natureza dela em breve terão novos frutos. Independente de quantos frutos se tire, novos crescerão.

Podemos entender a terapia Kovacsik como o arrancar da raiz dessa árvore. A partir do momento que se corta a raiz dela, ela para de ser alimentada. Seus frutos e folhas podem continuar ali por algum tempo, mas sem a alimentação vinda da raiz, logo essa árvore começa a secar e seus frutos e folhas naturalmente caem.

E assim funciona a terapia Kovacsik. No momento que se corta a origem do câncer, que é a exposição à água contaminada com fezes, e se elimina a vitalidade do agente no corpo, as manifestações da doença perdem sua alimentação e “morrem”. Algumas apenas murcham ou secam e outras podem ser completamente eliminadas pelo organismo.




A terapia pode ser feita à distância ou por outra pessoa?


Não. Em casos de impedimento ou de muita dificuldade para estar presente, o ideal é que a(s) pessoa(s) diretamente envolvida(s) no cuidado e tratamento da pessoa doente busque(m) informações da terapia para entendimento da mesma, confirmação de sua adequação ao doente e tentar viabilizar uma forma de fazê-la.




A terapia destina-se somente a câncer?


Sim. O atendimento pelo Método Kovacsik é oferecido pela AEMK somente a pessoas portadoras de câncer com diagnóstico médico, embora a energização decorrente do método beneficie o funcionamento do corpo como um todo proporcionando o fortalecimento dele.




A terapia apresenta efeitos colaterais indesejáveis?


Não existem estudos científicos que garantam que não existam efeitos colaterais, entretanto, por nossa experiência de 60 anos nunca foi relatado nenhum. Em praticamente todos os casos ocorre alívio de sintomas e melhoria do bem-estar.




Existem situações e/ou pacientes para os quais não é indicada a terapia?


A terapia em si não tem contraindicação. Em casos extremos de debilidade da saúde deve-se avaliar o eventual prejuízo que a locomoção e transporte possam trazer ao paciente, por exemplo, no caso de uma viagem longa.




A terapia pode ser feita em paralelo ao tratamento médico? Com a quimioterapia ou radioterapia?


Sim. A terapia pelo Método Kovacsik pode ser feita paralelamente e não prejudica ou impede qualquer outro tratamento. Sendo ainda que nós não interferimos na escolha de tratamentos que o paciente opte por fazer. A terapia Kovacsik em si é independente.




Seria melhor se ficasse com os pés descalços e apoiados no piso durante as sessões?


Não. Não existe nenhuma necessidade de ficar descalço ou apoiá-los no piso durante a sessão.




Se eu não fizer as sessões programadas, a terapia para de funcionar? A doença volta?


Não. Se seguir a utilização correta do Isolante não há retrocesso nos resultados alcançados.




Se eu não puder ir nas sessões programadas, eu devo reiniciar a terapia?


Não. Seguindo o correto uso do Isolante não há retrocesso. Apenas se reinicia a terapia se houver abandono dela e a pessoa posteriormente desejar retornar.




Quando completar 1 ano de tratamento, posso continuar frequentando o ponto de atendimento?


Fazendo a terapia corretamente ao completar um ano os objetivos e os resultados possíveis já foram alcançados. Depois disso é necessário apensar seguir o uso correto do Isolante por toda a vida.

Apenas em casos muito avançados é recomendável fazer sessões adicionais.




Há alguma contraindicação em continuar com outros tratamentos naturais, complementares e/ ou alternativos (argila, ozonioterapia, acupuntura) concomitantemente ao MK?


Não há inconvenientes. Uma vez que o Método Kovacsik tira a vitalidade do agente e tira a pessoa do contato com a origem da doença, o corpo estará receptivo a todas as terapias que a pessoa fizer e que colaborem com o fortalecimento do organismo, assim, gerando bons resultados. Mas cuidado, é importante entender que a base da recuperação é a eliminação do agente e sair da exposição nociva.





Isolante

O que é o Isolante?


Ele é uma peça metálica que interrompe (neutraliza) o contato da pessoa com a vibração nociva oriunda de águas contaminadas com fezes, que para o Método Kovacsik é a única origem da doença, permitindo assim, a recuperação efetiva da saúde.




É para usar o Isolante para sempre?


O uso do Isolante é por toda a vida. Toda vez que a pessoa retomar a exposição a vibração da água contaminada com fezes a doença retornará.




Qual é a importância do Isolante?


O uso correto do Isolante é tudo na terapia. Não existe nenhum possível resultado sem seu uso adequado.

Ele é o responsável por manter a pessoa fora da exposição a origem da doença.




O Isolante tem validade? Precisa ser recarregado?


Não. O seu funcionamento é decorrente das características do metal e funcionará, desde que limpo, até que haja um grande desgaste da peça metálica e diminua consideravelmente sua espessura. Uma peça dura muitos anos.




Por que alguns Isolantes entortam ou ficam com os cantos arredondados com o uso? Tem relação com energia negativa?


No ambiente existe uma série de vibrações, frequências e outros fatores que podem interagir com o Isolante. Inclusive o próprio corpo através do suor e seu calor podem causar impacto no Isolante e inutilizá-lo temporariamente. Por isso é necessário seguir à risca suas regras de uso.




Por que há semanas em que o Isolante escurece mais ou menos? Tem relação com energia do local?


Tem uma série de razões para isso. Que vai desde energias no ambiente até a quantidade de suor da pessoa em uma determinada noite. O importante é seguir à risca as orientações de uso do Isolante para que ele siga funcionando.




Qual é a área de proteção do Isolante?


O Isolante tem uma área de proteção de aproximadamente 60 centímetros de raio.




Posso usar o Isolante no pescoço?


Indicado apenas no caso de pessoas com uma rotina fixa em pé. Tal como: balconista, professor, massagista etc.

Usar o Isolante no pescoço não altera as restrições de uso em relação a móveis de metal e demais restrições, e não proporciona proteção adicional.

O Isolante é para ser usado no local, pois o local está doente e o local necessita do Isolante. Não a pessoa.




Qual o significado das inscrições I, S e K no isolante?


Apenas uma identificação do cientista. I = Isolante, S = Estevam (Stevan) e K = Kovacsik).




Se eu mudar de endereço preciso continuar usando o Isolante?


Sim, não sabemos para onde estamos mudando. Pode ter ou não o campo de vibração nociva.




Minha família deve usar o Isolante como prevenção?


Se entenderem a sua utilidade, como utilizar corretamente e desejarem usar, sim, eles podem.




Quando andar de carro tenho que me sentar sobre o Isolante?


Não. O Isolante só é necessário em locais que a pessoa permanece parada em relação ao solo. Apesar de ficar parado em relação ao carro, o carro está em movimento em relação ao solo.




Como faço quando viajar? Levo o Isolante comigo e uso na cama do local?


Se for viagem curta e para um local que não vai com frequência, não é necessário.

Apenas é necessário se for para um lugar frequente, por exemplo, um sitio que possua ou se trabalha durante a semana em outra cidade e fica sempre no mesmo quarto, entre outras diversas possibilidades.




Nunca mais vou poder me sentar no meu sofá?


Apenas se ele for compatível com o uso do Isolante. O paciente deve ponderar suas prioridades.




Posso carregar o Isolante durante o dia no bolso da calça?


Ele deve ser usado fixo no local em que fica parado em rotina em relação ao solo: cadeira de trabalho, cama etc. Não há a necessidade de carregar o Isolante no bolso da calça.

Não há problema em levar no bolso ou bolsa de casa para o trabalho e vice-versa. Desde que use no local quando chegar ao destino.




Outra pessoa pode sentar sobre o meu Isolante?


Sim, qualquer pessoa pode sentar nele e será protegida igualmente a você. O Isolante não retém energia de pessoas e nem de ambientes.




Diversas pessoas na minha casa usam o Isolante. Cada um deve ter o seu especifico ou pode trocar entre as pessoas?


O Isolante nesse sentido não é individual. Por exemplo, após lavar todos os Isolantes da casa juntos, pode colocá-los aleatoriamente nas camas e cadeiras da casa para o uso de cada pessoa.




Adoro ficar na rede. É o local onde me ajeito melhor. Como faço para usar o Isolante?


Recomendamos que costure uma fronha branca de travesseiro de bebe, com a abertura pra cima, na rede, na altura aproximada do meio do peito da pessoa quando deitada na rede.




O Isolante atua no meu corpo?


Não, o Isolante não atua de maneira alguma no corpo. A função e a atuação dele é em relação ao ambiente. Ele impede que a energia nociva vinda de água contaminada com fezes chegue a pessoa.




O celular atrapalha o uso do isolante?


Não, mas imãs e objetos magnéticos em geral tiram a sua função quando da proximidade com ele.





Teoria de origem

Qual é a origem do câncer?


Para o Método Kovacsik existe apenas uma origem para o câncer. A origem do câncer é decorrente da exposição prolongada de uma pessoa ou animal à vibração nociva oriunda de água contaminada com fezes. Entende-se por exposição prolongada, diversas horas por dia, todos ou vários dias por semana, por um período aproximado de 2 anos. Os locais mais comuns de exposição são: cama, local de trabalho ou descanso.




O que é o câncer?


Para o Método Kovacsik o câncer é um agente que fica localizado na região do coração e do baço. Ele surge quando a pessoa se expõe prolongadamente a vibração nociva de águas contaminadas (vide: qual é a origem do câncer).




Se a origem do câncer está no ambiente onde vivo, por que só eu tenho câncer se na minha casa vivem diversas pessoas?


A vibração nociva oriunda de água contaminada com fezes sobe apenas na vertical, e por isso a pessoa deve estar exatamente em cima dessa água para estar exposta. Para entender a área de vibração nociva é necessário entender o percurso e a largura desse veio de água ou tubulação de esgoto.

Outra possibilidade é que você adoeceu fora de sua casa. Pode ser no local de trabalho ou outro local de rotina tal como: local religioso, bingo, casa de parente, associação que faz parte etc.




O que é o agente que o Método Kovacsik fala?


Para o Método Kovacsik ele é a doença em si. Os tumores, feridas e disfunção do órgão, que são tidos como o câncer, são apenas a manifestação física desse agente.




O câncer é hereditário?


Conforme a pesquisa do Sr. Estevam, não. A forma de contração da doença é única e individual. Ela é decorrente da exposição prolongada ao campo de vibração nocivo. Vide: Qual é a origem do câncer?




Existe predisposição para o câncer?


Conforme a pesquisa do Sr. Estevam, não. Qualquer pessoa que se exponha ao campo de vibração nocivo ficará doente. Vide: Qual é a origem do câncer?




Eu moro em prédio, qual a altura que essa vibração nociva alcança?


Não temos determinado uma altura máxima, mas na prática observamos que pode atingir dezenas de andares.




O Método Kovacsik também é válido para animais?


Sim, tanto a teoria de origem quanto o processo terapêutico funcionam de igual forma para animais.





Resultados

A terapia Kovacsik cura o câncer?


A nossa experiência demonstra que a terapia elimina a vitalidade do agente que para nós é a doença em si, e com isso as manifestações dela param de evoluir. Dependendo de caso a caso, a manifestação pode estagnar, reduzir e pode até desaparecer. Apesar de não prometermos resultados, as melhoras obtidas por milhares de pessoas ao longo dos últimos 60 anos demonstram este fato.




A terapia é para todos os tipos de câncer?


Sim. Entretanto para o Método Kovacsik não existem tipos de câncer. Em nosso entendimento o câncer é um agente localizado na região do coração e do baço, e que normalmente se manifesta fisicamente na região mais frágil do organismo, podendo se espalhar por todo o corpo.




A terapia trata as manifestações da doença: o tumor, ferida ou disfunção do órgão?


Não, a terapia não trata a manifestação. A terapia elimina a vitalidade do agente, que para o MK é a doença em si, permitindo que o organismo volte a funcionar corretamente, e ele por si só começa o processo de recuperação da saúde.




Quais são os resultados que posso esperar fazendo o Método Kovacsik?


Apesar de não prometermos resultados, pela nossa experiência observamos dois possíveis resultados:

A curto prazo - melhora na qualidade de vida: 1- melhora na aceitação da alimentação; 2- diminuição de dor; 3- melhora na qualidade do sono; 4- aumento da disposição física.

São mudanças que podem ser pequenas, mas são continuas e crescentes, e que proporcionam grande melhora na qualidade de vida do paciente.

Essas mudanças podem ser observadas entre a primeira sessão e um mês e meio de terapia.

A médio prazo – esperamos uma mudança significativa na manifestação física da doença: 1- estabilidade, redução ou desaparecimento da manifestação; 2- normalização de indicadores; 3- alteração das características da manifestação.

Normalmente é possível ver esses resultados em exames médicos por volta de 3 meses.




Qual é a limitação dos resultados do Método Kovacsik?


Todo possível resultado depende sempre de dois fatores: o grau de importância do (s) órgão (s) afetado (s) e a gravidade (s) do (s) dano (s) já causado (s) a ele (s) pela doença, e portanto, estão muito relacionados ao tempo e nível de desenvolvimento dela. Cada tipo de manifestação do câncer, identificado principalmente pelo órgão de manifestação, tem características, gravidade e consequências diferentes.

Os cuidados necessários, tempo de recuperação e possíveis resultados variam de acordo com o órgão afetado, mas os resultados a serem obtidos dependem principalmente da destruição causada e a capacidade de regeneração do organismo.




A terapia é válida em qualquer estágio da doença?


Sim. A eliminação da vitalidade do agente causador do câncer acontece em qualquer estágio da doença, proporcionando assim, a estagnação das possíveis manifestações dela.

O fortalecimento do corpo e a recuperação da saúde dependem do que a doença já destruiu. Em casos extremos o único benefício a ser obtido pode ser a redução da dor.




Quanto tempo depois de iniciar o MK eu posso ver mudança em exames médicos?


Apesar de não prometermos resultados, normalmente se pode ver uma mudança significativa na manifestação da doença através de exames médicos com 3 meses de terapia.




Pode ocorrer reincidiva ou metástases durante a terapia Kovacsik?


Pela nossa experiência de 60 anos, observamos que se a pessoa utilizar o Isolante corretamente a chance de remissão é altíssima. Muito dificilmente a doença retorna.




Faço a terapia, mas continuo me sentindo muito mal? A doença está avançando?


Não necessariamente. Neste momento é importante entender e separar o que é câncer, efeitos colaterais ou sequelas e outras doenças. Frequentemente esses três pontos são confundidos.

Para saber se a doença está evoluindo é necessário fazer exames médicos para ver o tamanho e características das manifestações. Em nosso entendimento a doença apenas está avançando quando as manifestações crescem ou aparecem novas. Marcadores e outros podem indicar essa tendência.

Recomendamos entender bem todos os processos pelos quais está passando, inclusive tratamentos, e conversar com o seu médico para um entendimento adequado da situação.





Cuidados necessários

O que são os cuidados necessários? Se eu não segui-los, a doença volta?


Os cuidados necessários são recomendações que não têm a ver com a doença em si, mas sim com a recuperação da saúde e fortalecimento do organismo. Quanto mais você preservar seu corpo, melhores condições você dá a ele para se recuperar.

Por um ano:

• Evitar exposição prolongada ao sol: não tomar banho de sol e usar sombrinha para caminhar

• Evitar choques térmicos, tais como: banho frio, banho de piscina, chuva, tomar banho quente e sair sem agasalho em local frio ou ao vento, etc

• Não tomar banho de mar;

• Não fazer esforço físico ou ginástica;

• Subir e descer escada degrau por degrau colocando os 2 pés em cada degrau;

• Não tomar bebidas geladas, sorvete etc.

Eliminar: Comidas excessivamente temperadas e qualquer tipo de pimenta.




Durante o período de um ano de terapia não poderei fazer atividade física ou praticar esportes?


O corpo e a mente precisam de movimento, de atividade, entretanto, o excesso pode enfraquecer mais do que trazer benefícios. Atividades como caminhadas leves, em temperaturas amenas e no plano são bem-vindas. Recomendamos a redução de atividade física forte.

Busque um médico ou um especialista para orientá-lo com relação as atividades físicas recomendadas para você devido a condição momentânea de saúde.




Existe alguma recomendação de alimentação?


A recomendação é que mantenha uma alimentação saudável e compatível com a sua condição física e de seu organismo. Entretanto pedimos que não consuma pimenta durante o período da terapia. Por um ano.

Busque um médico ou nutricionista para orientá-lo com relação a alimentação e restrições devido a condição de saúde.




Há alguma restrição para o consumo de açúcar e carboidratos?


Não, apenas recomendamos uma alimentação balanceada e saudável. Quanto mais saudável, maior é possibilidade do seu organismo recuperar.

Busque um médico ou nutricionista para orientá-lo com relação a alimentação e restrições devido a sua condição de saúde.




Por que não pode comer pimenta durante o tratamento MK?


A pimenta, assim como outros alimentos, pode irritar os tecidos do corpo e demandam energia dele para serem processados. Considerando a debilidade momentânea do organismo, que está em uma fase de recuperação da saúde, esse não é um momento para excessos. Esse é um momento que o corpo precisa de toda a energia possível para a sua recuperação. Por isso, evite forçar o organismo com coisas desnecessárias.




Por que não posso tomar banho de mar durante o tratamento?


Com relação a água do mar temos basicamente 4 pontos a serem observados:

- O mar está sempre em movimento e automaticamente demanda esforço físico para se movimentar e até mesmo para ficar parado dentro da água;

- Dentro do mar você está exposto ao sol, e não se expor prolongadamente ao sol é uma das recomendações;

- O corpo humano em contato com o sal da água gera uma reação química que nos dá uma leve sensação de cansaço. Em um organismo funcionando adequadamente há uma recuperação quase imediata, no caso oposto, pode levar a uma grande estafa;

- A qualidade da água devido ao possível despejo do esgoto nela.




Por que devo evitar exposição prolongada ao sol durante o tratamento?


O sol é importante e muito bem-vindo desde que observado os horários e períodos adequados de exposição. O excesso de sol pode trazer prejuizos.

Considerando a debilidade momentânea do organismo, que está em uma fase de recuperação da saúde, esse não é um momento para excessos. Esse é um momento que o corpo precisa de toda a energia possível para a sua recuperação. Por isso, evite desgastar o organismo com coisas desnecessárias.

Recomendamos que busque a orientação de um médico ou especialista sobre o assunto para saber os seus efeitos no organismo.





  • Facebook ícone social
  • YouTube
  • Instagram

AEMK - Associação Estevam e Maria Kovacsik

CNPJ: 10.315.712/0001-53

Rua José Taufik Soubhia, 67 - Vila Mariana - São Paulo / SP

E-mail: contato@aemk.org.br

Assine a nossa newsletter